segunda-feira, 4 de maio de 2015

Cirurgia ByPass

Dia 8 de abril chegou rápido e as 09h da manhã fui para o hospital com meu marido e minha mãe, minha cirurgia By Pass marcada para às 13h, mas a internação era às 11h.
Depois posto algumas fotos. às 13h a enfermeira foi me buscar no quarto eu muito nervosa, naquela hora fiquei nervosa, passa tanta coisa na cabeça, um medo kkkk, normal né ...
Fui levada até a sala de cirurgia e foi tudo normal ... acordei umas 16h na sala de recuperação já vomitando, super tonta e sem dor ...um sono absurdo ... 
Antes das 17h fui levada ao meu quarto ... ai gente quando chequei no quarto e me deitei a enfermeira falou ela precisa andar affffff estava com muito sono e tonta kkkk, lá fui eu caminhar uns minutinhos abraçada na enfermeira e no meu marido kkkk muto paparicada. Voltei pro quarto e dormi bastante, lá pelas 19h acordei com muitos gases e muita dor causada pelos gases, olha nunca tive tanta dor ... e neste período não se pode tomar nada, nem o luftal, então depois de muitas horas foi aplicado intra venosa digesan uma medicação para o intestino, estômago,  da uma revirada la dentro e começou a melhorar minha dor, assim a dor passou a ser controlada. 
Recebi exercícios da fisioterapeuta e os colocava em pratica a cada uma hora no corredor do hospital, basicamente respiração e levantar os braços, aliviava a dor do temido dreno.
Ah vamos falar do dreno, sabe o que é não sentir dor na cirurgia, nossa showwww, porém, o dreno este sim, nossa que dor, andava até mesmo meio curvada kkkkkk.
A noite não dormi, estava bem elétrica, dormi umas duas horas e caminhei muito na madrugada kkkkk.
quando foi umas 15h do dia 09 de abril meu dr. apareceu, viu que eu estava bem e liberou a dieta. 
Então chegou da cozinha do hospital um gatorade, água de coco, água e chá de camomila ( este trocado a cada uma hora)
a nutricionista do hospital foi até meu quarto me passou todas as informações, relembrou o que minha nutricionista já havia passado.
recebi muitos copinhos de 50ml e tinha que tomar a cada 3 minutos um gole daquele copinho (seriam 6 goles) esperar 20 minutos e iniciar um novo copinho. Eu estava sem fome e sem sede (estava com soro de 1 litro intravenoso kkkk) só a noite tomei alguns copinhos para acelerar minha alta como a nutricionista explicou. 
No dia 10 de abril mesmo sem fome tomei tudo certinho. Recebi alta neste mesmo dia. Não aguentava mais o hospital e não sentia nenhuma dor, só um incomodo do dreno.
Cheguei em casa e comecei com a dieta da minha nutricionista.
Os líquidos seriam ingeridos das 07h da manhã até às 21h, iam ser intercalados os seguintes líquidos gatorade, água sem gãs, chás claros, água de coco e caldos (passados no coador de café de pano) em copos de 50ml em 6 goles e esperar 20 minutos e mais um copo.
Muito difícil me alimentar, pois não sentia fome, nem sede.
Na segunda semana os mesmos líquidos, porem também foram incluídos suco natural de melão e leite desnatado com achocolatado Gold diet.
Na terceira semana iniciei a dieta semi pastosa que basicamente os mesmos liquidos e vitamina de banana ou mamão ou pera ou maçã coada na peneira, sopinha passada na peneira. Essa fase foi a mais difícil, porque os líquidos são mais grossos e meu estomago pequeno não aguentava direito, porém nunca vomitei, só enjoos.
Estou na quarta fase, nesta fase é chamada de pastosa, tomo tudo sem coar, não é mais sopinhas e sim purê batido no liquidificador, estou comendo ricota com azeite de oliva (parece pate) e atum amassado com garfo. Confesso que não como nada com muito prazer, fico enjoada na primeira colher ou primeiro gole. Fome zero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário